50 Coisas a Fazer ao Iniciar um Negócio

11 – Determinar a Estrutura Jurídica

Defina qual forma de propriedade é melhor para você: uma sociedade unipessoal, uma parceria, uma sociedade de responsabilidade limitada, uma corporação, ser empresário individual, uma organização sem fins lucrativos ou uma cooperativa. Independente do seu tipo de empresa, determinar a estrutura jurídica de seu negócio é um ponto fundamental.

12 – Escolha um Nome Comercial

Escolha o nome que melhor se adapta ao seu negócio. A escolha do nome da sua empresa (o nome fantasia) é um dos passos mais importantes para quem está abrindo um negócio. Em seguida, verifique se o nome de domínio está disponível online para registro.

13 – Registre o nome da sua empresa

Se o nome da sua empresa proposto estiver disponível, registre-o com o órgão brasileiro responsável pelo registro de marca o Instituto Nacional da Propriedade Industrial (INPI) e garanta um nome de domínio que pode ser registrado no registro.br para domínios nacionais.

14 – Aproveite os recursos gratuitos

Vários recursos gratuitos podem oferecer aconselhamento, treinamento e assistência. O SEBRAE é um ótimo lugar para encontrar recursos locais para seu negocio.

15 – Determinar obrigações fiscais

No Brasil, estas são as principais declarações, que podem variar de acordo com o enquadramento jurídico: DEFIS (Declaração de Informações Socioeconômicas e Fiscais); DASN-SIMEI (Declaração Anual do Simples Nacional – Microempreendedor Individual); DIRF (Declaração de Imposto de Renda Retido na Fonte);

16 – Licenças e Alvará de Funcionamento

Dependendo do seu negócio Você terá que pegar um alvará de funcionamento é um documento que permite e legaliza o funcionamento da empresa. … O documento é emitido pela prefeitura da cidade. Por meio do alvará de funcionamento, a empresa confirma que pode exercer suas atividades em um determinado lugar, de acordo com as normas estabelecidas para aquele fim.

Solicite licenças estaduais. Pegue um certificado de registro fiscal local. Solicite licenças locais, se necessário, como uma licença de uso condicional ou variação de zoneamento.

17 – Compre Seguro

Certifique-se de providenciar o seguro adequado para o seu negócio. Isso irá variar de acordo com o tipo de negócio. Se você estiver trabalhando em casa, certifique-se de que o seguro do proprietário cobre roubo ou danos aos bens da empresa, bem como a responsabilidade por quaisquer lesões relacionadas ao negócio.

18 – Configure os Livros

Descubra se você está usando um sistema de caixa ou acumulação, determine o ano fiscal da empresa e configure um sistema de manutenção de registros.

19 – Escolha o local da empresa

Selecione o local que melhor se adapta às necessidades do seu negócio, que ofereça a oportunidade de crescer o nível certo de concorrência e proximidade com os fornecedores. Também deve ser acessível aos clientes.

20 – Não se preocupe com um escritório

Se você ainda não está obtendo receita, não se preocupe com um escritório ou depósito de estoque.

Por Rodrigo Crosara

Olá sou CEO da SeuStyle.net e Analista Programador. Já participei de implementações de centenas de projetos digitais nacionais e internacionais e também sou o fundador e mantenedor do blog "Como Desenvolver" desde 2016, meu objetivo aqui é disponibilizar uma base de conhecimentos e um repositório de informações úteis para mim e para os amantes em conhecimentos digitais, seja bem-vindo e sinta-se livre para deixar seu comentário e olhar a sua volta.