12 Passos para criar um APP do Zero

1. Defina sua meta

Ter uma boa ideia é o primeiro passo para um projeto novo. Qual o core do app? Que problema ele está tentando resolver? Como criar um app que seja útil e agradável?

2. Comece a fazer sketches

Desenvolva o conceito do seu aplicativo, as ferramentas principais e que tipo de estrutura e layout você acha que mais condizem com o app.

3. Pesquise

Descubra outros aplicativos que fazem a mesma coisa, procure inspiração de design, encontre informações sobre requerimentos técnicos que você precisa se preocupar e descubra como você pode colocá-lo no mercado e monetizá-lo. Uma das ferramentas para a busca de inspiração é a Dribbble.

4. Crie um Mockup e um Storyboard

Aqui a ideia é deixar o aplicativo mais claro e começar a construí-lo. As ferramentas mais usadas para Mockups são o Balsamiq, o Moqups e o HotGloo que permitem uma visualização de todos os elementos básicos do seu app e acrescentam funcionalidade aos botões para que você possa clicar ao longo do aplicativo.

5. Defina o Back End do seu app

Isso significa que, depois de ver como será o esquema do aplicativo, você deve procurar o servidor, APIs e os diagramas de dados. Eles serão boa referência para o desenvolvedor. De acordo com limitações do Back End, caso haja, você deve reprogramar a interface do aplicativo.

6. Teste o seu protótipo

Pergunte para amigos, família, colegas e especialistas sobre seu protótipo e peça uma revisão sincera. Dê para eles uma versão beta para que testem e possam te dar um feedback mais preciso. Se possível, peça para eles usarem na sua frente, assim você pode estudar como eles utilizam o aplicativo e melhorar a experiência do usuário.

7. Crie o Back End do aplicativo

Agora que seu aplicativo já está razoavelmente definido, passe para seu desenvolvedor configurar os servidores, a base de dados, os APIs e as soluções de armazenamento. Não esqueça de fazer um cadastro de desenvolvedor nos marketplaces que você irá colocar seu aplicativo. Obter a permissão pode demorar alguns dias.

8. Desenhe as telas do seu app

Aqueles rascunhos e prévias feitos devem ser colocados em alta resolução e adaptados de acordo com os testes dos seus clientes-beta, afinal se o público vai usar o seu aplicativo, ele deve ter influência na criação do mesmo.

9. Teste novamente

Agora o aplicativo já está completamente desenhado e você precisa testá-lo de novo para ver se, na versão de mercado, é user-friendly e funciona completamente. Existem duas ferramentas para este tipo de teste: o Solidify e o Framer.

10. Revise e continue a construção

Revise tudo o que já foi feito e peça para o desenvolvedor e o designer realizarem as mudanças adequadas no back end e nas telas do produto.

11. Refine cada detalhe

Você sempre terá que fazer este passo. Agora, você deverá testar o aplicativo no iOS e no Android para ver como ele funciona depois de colocado lá (em teste). No iOS você deve requerer uma plataforma como o TestFlight para testar todo o funcionamento.

12. Hora de lançar

As políticas dos marketplaces são muito diferentes, então você precisa ver em cada um deles quais os passos necessários para o lançamento do app.

Junte-se a nós e esteja sempre atualizado com as últimas novidades e dicas